Skip to content
Quem

Tronte Nielsen

Ele é o pai de Mads Nielsen e avô de Mikkel. Sua vida é moldada por esses dois casos de pessoas desaparecidas. Tronte vive com sua esposa, Jana, em um pequeno apartamento. Seu relacionamento com o filho ainda presente, Ulrich, é tenso.

Tronte chega em Winden quando menino em 1953, junto com sua mãe, Agnes. Na época, seus braços estão cheios de queimaduras. Os dois vão morar com a família Tiedemann, e Tronte faz amizade com Claudia.

Trinta e três anos depois, Tronte trabalha como jornalista e tem um caso com Claudia; não é o primeiro dele. Jana descobre e está planejando deixar o marido, mas, de repente, Mads desaparece.

A descoberta no bunker

Na noite de 4 de novembro de 2019 - a noite em que Mikkel desaparece - Tronte recebe uma ligação de Peter Doppler. Doppler diz que o corpo de um menino com olhos queimados apareceu de repente no bunker. O nome em seu cartão de estudante é Mads Nielsen.

Tronte vai para o bunker, olha para o corpo de seu filho desaparecido e fica em um estado de completa confusão mental. A Claudia Tiedemann mais velha entra no bunker. Ela sabia que isso ia acontecer e convence Peter e Tronte a deixar o corpo na floresta, onde será encontrado pela polícia no dia seguinte. Tronte não conta à sua esposa, Jana, o que aconteceu.